Arquivo de etiquetas: II Trilho dos Abutres

“Levanta-te e anda”, Atos 3:6

Milagre! Estou curado! Depois de um mês alimentado a sulfato de glucosamina pude finalmente fazer uma corrida sem que a banda sonora vinda do joelho direito me lembrasse que isto da corrida não dá saúde a ninguém. No more trac, trac, trac…

Talvez tenha sido o resultado da combinação das propriedades terapêuticas da lama, dos ares frescos da serra, da fisioterapia aplicada durante as subidas, juntamente com os benefícios da acupunctura involuntária com o recurso à flora local.

O Trilho dos Abutres, nesta versão de 45K, não desiludiu. Depois de ter participado na corrida do ano passado pensei que o aumento da distância seria realizado à custa de um percurso com menor qualidade. Muito pelo contrário! O percurso deste ano foi espectacular! 45K de trilhos variados, paisagens a perder de vista, vales encaixados, … enfim, que mais se pode querer num dia em que até a meteorologia parecia ter sido programada.

A organização da prova esteve, uma vez mais, de parabéns. Obrigado por me ter proporcionado esta viagem de descoberta pela Serra da Lousã, mesmo nos seus recantos mais escondidos. Os Abutres voam cada vez mais alto…

Agora que foram descobertas as propriedades milagrosas deste trilho procurarei, todos os anos, realizar uma espécie de peregrinação.

Este slideshow necessita de JavaScript.

Até a sessão de crioterapia involuntária no final da prova, que no momento me pareceu um sacrifício, vejo-a hoje como uma dávida para o processo de recuperação muscular. Hoje vou colocar um pouco de gelo no joelho. Está a nevar a potes aqui em Bruxelas e vou correr de calções ; )